Autor do ataque em creche de Saudades é condenado a 329 anos e quatro meses de prisão

Foi condenado a 329 anos e quatro meses de prisão, o autor da chacina em uma creche de Saudades, no Oeste de Santa Catarina. A sentença foi lida nesta quinta-feira (10), no Fórum de Pinhalzinho (SC), município sede da comarca. O crime aconteceu em 04 de maio de 2021 e deixou cinco pessoas mortas. O réu era acusado de cometer cinco homicídios triplamente qualificados (motivo torpe, meio cruel e emprego de recurso que dificultou a defesa das vítimas) e tentar matar outras 14 pessoas.

Conforme a sentença, o tempo que o autor ficou detido em Chapecó, desde o dia posterior ao crime, não altera o número da pena. Além disso, a decisão cita que a ação do acusado resultou na intensificação de fiscalização em todo o estado de Santa Cataria e também influenciou novos ataques como o de Blumenau.

O computador do acusado e as facas usadas na chacina serão destruídos.