Garota de programa é atacada por cliente com mais de 30 facadas em SC

A transexual Rebeka Curtts, de 28 anos, foi vítima de uma tentativa de latrocínio no sábado (17) em Içara (SC). De acordo com a jovem, ela foi atacada por dois homens que deram mais de 30 facadas nela, principalmente na região da cabeça e do rosto, e levaram o carro e o celular dela.

Em entrevista ao Uol, a transexual contou que um dos homens era um cliente de longa data, com quem já havia saído. Segundo o relato dela, o homem combinou de se encontrar com ela para pagar o que estava devendo e informou que levaria um amigo com ele.

A jovem, que mora em Criciúma, foi de carro até o local combinado. Conforme Rebeka, quando estavam em uma estrada de terra, na zona rural da cidade, o homem tentou executar o pagamento em uma máquina de cartão, mas o procedimento foi recusado.

Em seguida, os dois homens puxaram cada um uma faca e iniciaram as agressões contra ela. A vítima foi colocada dentro do carro, no entanto, Rebeka relata que conseguiu destravar a porta e saltar do veículo que estava em movimento.

A jovem procurou ajuda em um sítio próximo e o Corpo de Bombeiros foi acionado. Rebeka foi socorrida para o Hospital São Donato, onde recebeu atendimento e prestou depoimento para a Polícia Civil.

De acordo com o delegado Rafael Iasco, da Polícia Civil de Içara, o veículo da vítima foi localizado e recuperado ainda na noite de sábado. As autoridades fizeram buscas na região, mas não encontraram os suspeitos, que ainda não foram identificados. Um inquérito policial será instaurado para investigar o caso.

Fonte: Portal Aconteceu / ISTOÉ