Grêmio eliminado na Copa do Brasil na primeira fase da competição

O Grêmio está fora da Copa do Brasil. Hoje (1º), o time gaúcho perdeu por 3 a 2 para o Mirassol, em um jogo emocionante com duas viradas, disputado em Mirassol, pela primeira fase da competição. Os gols do clube paulista foram de Fabinho, Camilo e Fabrício Daniel. O Tricolor marcou com Diego Souza e Bruno Alves.

O Mirassol saiu na frente, o Grêmio empatou e virou ainda no primeiro tempo, mas antes do fim da primeira etapa levou o empate. No começo do segundo tempo, o time de São Paulo marcou novamente e, mesmo com a expulsão de Camilo, garantiu o avanço.

O Mirassol, agora, terá pela frente o Azuriz-PR, que eliminou o Botafogo-SP, na segunda fase da competição.

Antes, ambos voltam aos Estaduais. O Grêmio enfrenta o Novo Hamburgo, sábado (5), pelo Gaúcho. O Mirassol encara o São Bernardo, domingo (6), pelo Paulista.

Foi bem: Fabrício Daniel é importante

Fabrício Daniel participou de dois gols do Mirassol. Primeiro, deu uma pancada de fora da área, que Camilo marcou no rebote. E depois, de cabeça, colocou na rede o seu gol.

Foi mal: Brenno falha

O goleiro Brenno, do Grêmio, falhou no primeiro gol do jogo. Aparentemente mal posicionado, teve dificuldades com o chute de Fabrício Daniel, deu rebote para frente, e Camilo marcou. No segundo gol do Mirassol, ele escorregou ao tentar saltar para defender a conclusão de cabeça de Fabrício Daniel.

Camilo faz gol, dá assistência e é expulso

Camilo era o principal destaque do jogo até os 15 minutos do segundo tempo. Tinha marcado um gol e dado assistência para outro. Mas um carrinho em que acertou o zagueiro Bruno Alves acabou o levando para os vestiários mais cedo. O cartão vermelho deixou o Mirassol com um jogador a menos durante 30 minutos.

Diego Souza volta com gol

Diego Souza não jogaria o Gre-Nal do último sábado em razão de dores musculares. Mas, como o clássico foi adiado, conseguiu se recuperar para atuar em Mirassol. Ainda no primeiro tempo, com o Tricolor atrás no placar, ele fez o pivô para conclusão de Rildo, que gerou escanteio. Na cobrança, fez o gol, de cabeça.

O jogo do Mirassol: Ofensivo e propondo o jogo

O Mirassol teve uma postura ofensiva durante todo o jogo. Desde os primeiros minutos, adiantou linhas de marcação e apostou em construções conscientes quando teve a bola. Camilo, Oyama, Fabrício Daniel e Zeca tiveram boas participações ofensivas e ocasionaram momentos importantes na equipe de Eduardo Baptista. Na defesa, porém, deu alguns espaços, aproveitados pelo time gaúcho.

O jogo do Grêmio: Sem encaixe na marcação

O Grêmio não conseguiu o melhor encaixe defensivo. Foi ameaçado pelo Mirassol durante boa parte do jogo. Os laterais, Orejuela e Nicolas, deram espaço, e Thiago Santos não conseguiu proteger a frente da área. Em funções ofensivas, a equipe foi bem, principalmente nas bolas paradas. Marcou em cobrança de escanteio e falta, por exemplo. Mas o repertório foi curto ao longo da partida.

Cronologia da partida

O Mirassol abriu o placar com Camilo, aos cinco minutos do primeiro tempo. O Grêmio empatou aos 18 minutos com Diego Souza e virou aos 22 minutos da etapa inicial com Bruno Alves. Antes do apito final, porém, Fabrício Daniel deu números iguais ao placar: 2 a 2. No segundo começo do segundo tempo, aos oito minutos, Fabinho virou a partida novamente, agora para o Mirassol.

Muita chuva antes da partida

Pouco mais de uma hora antes do jogo, uma forte chuva caiu em Mirassol. A água acumulada no gramado chegou a ameaçar a realização da partida. Mas o clima melhorou e o jogo foi disputado normalmente, ainda que com campo bastante molhado.

Falta no árbitro

No segundo tempo de partida, o Grêmio partia para um contra-ataque, quando Neto Moura, do Mirassol, teve um choque com o árbitro Ramon Abatti Abel. O juiz caiu no gramado e precisou de atendimento logo em seguida. Depois de alguns minutos de paralisação, o árbitro conseguiu seguir no jogo.

FICHA TÉCNICA
MIRASSOL 3 X 2 GRÊMIO
Local: estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol (SP)
Árbitro: Ramon Abatti Abel
Auxiliares: Ivan Carlos Bohn e Victor Hugo Imazu
Cartões amarelos: Luís Oyama, Fabrício Daniel (MIR); Janderson, Geromel (GRE);
Cartões vermelhos: Camilo (MIR)
Gols: Camilo, do Mirassol, aos 5 minutos do primeiro tempo; Diego Souza, do Grêmio, aos 18 minutos do primeiro tempo; Bruno Alves, do Grêmio, aos 22 minutos do primeiro tempo; Fabrício Daniel, do Mirassol, aos 29 minutos do primeiro tempo; Fabinho, do Mirassol, aos 8 minutos do segundo tempo;

MIRASSOL
Darley; Rodrigo, Thalisson, Lucão e Pará; Neto Moura, Luís Oyama e Camilo; Fabrício Daniel (Ednei), Zeca (Rafael Silva) e Negueba (Fabinho).
Técnico: Eduardo Baptista.

GRÊMIO
Brenno; Orejuela, Bruno Alves, Geromel e Nicolas; Thiago Santos (Lucas Silva), Bitello (Churín) e Gabriel Silva (Benítez); Janderson (Campaz), Rildo (Elias) e Diego Souza.
Técnico: Roger Machado.