Homicídio é registrado em Quilombo

POLÍCIA ELUCIDA CRIME DE HOMICÍDIO EM MENOS DE 2 HORAS E PRENDE HOMEM EM FLAGRANTE. 

No início da madrugada de hoje (sábado, 29), a Polícia Civil de Santa Catarina, através da Delegacia de Polícia de Comarca de Fronteira (DPCo-Fron) de Quilombo/SC e da Divisão de Investigação Criminal de Fronteira (DIC-Fron) de São Lourenço do Oeste/SC, com apoio da Polícia Militar de Quilombo/SC e da Agência de Inteligência da Polícia Militar de São Lourenço do Oeste/SC, prendeu em flagrante um homem de 26 anos de idade pela prática do crime de homicídio (qualificado mediante recurso que dificultou a defesa do ofendido).

A vítima foi outro homem, de 28 anos de idade.

O fato ocorreu em via pública, na Travessa Adolfo Cúnico, no bairro Santa Inês, na cidade de Quilombo/SC, por volta das 21h40 de ontem (sexta-feira, 28).

Consoante apurado até o presente momento, o indivíduo preso em flagrante teria agido na companhia de outros dois homens, de 26 e 22 anos de idade, ambos já identificados.

Entenda a dinâmica dos fatos: o indivíduo preso em flagrante se encontrou com a vítima à frente de sua casa e no local se iniciou uma discussão, a qual progrediu para vias de fato, entremeio no qual o autor teria conseguido prevalecer e imobilizar a vítima. Nesse instante, os outros dois homens, que estavam homiziados dentro do imóvel do autor ora preso em flagrante, ou seja, seus comparsas, partiram em direção à vítima e, aproveitando-se da situação na qual se encontrava, efetuaram diversos disparos de arma de fogo, ceifando sua vida.

A Polícia Militar foi acionada e logrou êxito em capturar o indivíduo que atraiu a vítima para a frente de sua casa e, depois de com ela entrar em luta corporal, possibilitou que, nesse cenário, ato contínuo, os outros dois comparsas saíssem de onde estavam e efetuassem os disparos de arma de fogo que resultou no evento morte.

Os indivíduos responsáveis pelos disparos de arma de fogo evadiram-se do local imediatamente após a prática do crime, estando em local incerto e não sabido até o presente momento.

As investigações, inclusive para esclarecer o motivo do crime e outros detalhes, continuam a cargo da Delegacia de Polícia de Comarca de Fronteira (DPCo-Fron) de Quilombo/SC.

O autor preso em flagrante foi encaminhado para o Presídio Regional de Chapecó/SC, onde se encontra à disposição da Justiça.

Fonte: Polícia Civil