HRSP libera visitas a ala Covid-19 a partir desta terça-feira

Pensando na humanização do atendimento aos pacientes hospitalizados na Ala Covid-19 e, também, em diminuir a angústia dos familiares, o Hospital Regional São Paulo (HRSP) inicia nesta terça-feira, dia 1º, a liberação de visitas ao setor de isolamento, tanto para pessoas internadas na Enfermaria, quanto para pacientes da UTI Covid-19.

A entrada de familiares vai ocorrer em momentos agendados, com planejamento, tendo o visitante toda a orientação e paramentação necessária. Até então, ocorria apenas a visita virtual, que consistia numa chamada de vídeo realizada pela equipe que atua no setor.

As visitas acontecerão em dois dias da semana, nas terças e sextas-feiras, com duração de 10 minutos. “Esse momento de visitas à Ala Covid-19 foi liberado após novas análises da equipe técnica e deverá respeitar regras e normas vigentes. Solicitamos que os familiares cheguem ao hospital às 9h15, para que possam receber as orientações e se cadastrar para a entrada. A visita está programada para às 9h30”, explica a gerente de atendimento do HRSP, Fabiula Cichelero.

A entrada na Ala Covid será autorizada para um familiar por paciente, que será acompanhado pela equipe psicossocial e pastoral. Da recepção os familiares serão encaminhados em pequenos grupos até a unidade Covid-19.  Chegando no setor de isolamento, será realizada orientação sobre os cuidados e uso de Equipamentos de Proteção Individual que serão disponibilizados aos visitantes pelo próprio hospital.

“Somente após a paramentação, vestindo todos os EPI’s necessários, os familiares serão conduzidos pela equipe psicossocial ao quarto onde os pacientes estão hospitalizados”, complementa a gerente. Após a realização das visitas os familiares serão orientados sobre a higienização e retirada da paramentação.

O HRSP frisa que as notícias médicas permanecerão sendo repassadas por telefone às famílias.

Orientações aos visitantes

Os visitantes preferencialmente devem ter idade entre 18 anos e 59 anos, que não sejam portadores de fatores de risco para covid-19 ou que não estejam em isolamento domiciliar em razão da doença. Será realizado um check list na entrada com aferição de temperatura e avaliação de possíveis sintomas relacionados à Covid-19.  Pessoas com suspeita da doença não poderão realizar a visita.

Além disso, é proibida a entrada com aparelhos celulares. É necessário estar vestindo calça comprida e calçado fechado, cobrindo dorso do pé; pessoas com cabelo comprido devem mantê-lo preso; não será permitida a entrada com adornos (brinco, anel, pulseira, relógio, correntes e acessórios do gênero).

“Importante que os familiares estejam cientes que o hospital não irá se responsabilizar por guardar os pertences dos visitantes no período em que estiverem na instituição. Orientamos que já venham de casa sem os itens proibidos”, finaliza.

Fonte: Oeste Mais