Idosa de Ipuaçu busca atendimento e é isolada por suspeita do Covid-19

Uma idosa, de 71 anos, moradora de Ipuaçu, buscou atendimento no hospital de Abelardo Luz com sintomas do novo coronavírus. Diante da repercussão do fato e divulgação de áudios pelas redes sociais, o município de Abelardo Luz emitiu uma nota oficial na manhã de hoje sobre o caso.

“O Comitê Municipal de Crise para Enfrentamento do COVID-19, juntamente com toda a equipe de profissionais da Saúde, vem a público informar de forma oficial que deu entrada, na tarde deste último domingo (22), no Hospital Rogacionista Evangélico de Abelardo Luz, uma senhora de 71 anos, moradora do município de Ipuaçu, sem febre, mas com sintomas de tosse e falta de ar.

O Comitê ressalta que, desde as primeiras horas que tomou conhecimento da situação, iniciou o monitoramento do caso com total atenção tomando todas as medidas necessárias de segurança, preservando principalmente a identidade da paciente.

Ressaltamos ainda que o caso foi imediatamente comunicado à Coordenadoria Regional de Saúde e desde o internamento a paciente foi mantida em isolamento.

Informamos a todos que ainda pela manhã desta segunda-feira (23) a paciente recebeu alta do hospital e seguirá sendo acompanhada no seu município de origem, mantendo-se em isolamento por tempo recomendado pelo serviço de saúde.

Esclarecemos ainda que o Hospital Rogacionista Evangélico presta atendimento a nível de região atendendo municípios que não possuem hospitais e segue regulação do Governo do Estado, portanto não pode e não deve negar atendimento.

O Comitê do Covid-19 reforça a toda população de Abelardo Luz para que continue tomando as medidas preventivas para evitar a propagação do vírus, ficando em casa, evitar contato e aglomerações de pessoas e lavar as mãos frequentemente com álcool gel ou água e sabão.

Quem tiver dúvidas ou apresentar sintomas como febre alta, tosse seca e falta de ar deve primeiramente ligar para os telefones de URGÊNCIA E EMERGÊNCIA do Centro Municipal de Saúde (Postão) 3445-4945|3445-4208|9 99953-0671|, onde uma equipe especializada estará repassando todas as orientações e protocolos de segurança de como agir para juntos combater essa pandemia mundial”.