Itália registra média de uma morte a cada quatro minutos por coronavírus

A Itália registrou 368 mortes relacionadas ao novo coronavírus em 24 horas – média de um óbito a cada quatro minutos –, o que aumenta o número de vítimas fatais a 1.809 no país, segundo dados divulgados neste domingo (15) pela Defesa Civil.

​Em site especial, acompanhe todas as informações do coronavírus em SC

O número de infectados também aumentou, com 3.509 novos casos em 24 horas, elevando o total a quase 25 mil. A região de Milão, na Lombardia (norte), continua sendo a mais afetada, com 1.218 mortos e 13.272 casos.

As medidas de confinamento entraram em vigor na região de Milão há uma semana. Em seguida, foram ampliadas a todo o país, o que, segundo o primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, deverá dar resultado em duas semanas.

Autoridades da Lombardia expressaram preocupação com a capacidade dos hospitais de lidar com a pandemia. “As cifras seguem aumentando. Em breve, chegaremos ao ponto em que não teremos mais leitos de UTI”, advertiu neste domingo o governador da Lombardia, Attilio Fontana, em entrevista ao canal Sky TG24.