Mãe de bebê que morreu por possíveis maus tratos em Xanxerê é internada após pedido feito pela Polícia Civil

A Polícia Civil por meio da Delegacia de Proteção à Criança, Mulher e Idoso (DPCAMI) de Xanxerê, com auxílio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) tem trabalhado incansavelmente para apurar os fatos e circunstâncias que levaram a morte de uma menina de apenas nove meses de vida na sexta-feira (14), em Xanxerê.

Logo que foi confirmada a morte da criança com sinais de possíveis maus tratos e agressões, o inquérito policial foi instaurado, com levantamento de informações e coleta de material por meio de peritos do IGP que estiveram na residência onde a mãe de 17 anos morava.

A reportagem do Ronda Policial, vem acompanhando o desenrolar do caso, e esteve em contato telefônico com o Delegado Danilo da Silva Fernandes, titular da DPCAMI e responsável pela condução das investigações que confirmou o pedido feito pela Polícia Civil ao judiciário para a imediata internação da adolescente. O pedido foi aceito e a jovem já se encontra recolhida em internada.

O Delegado ainda confirmou que há um inquérito policial que apura a responsabilidade e envolvimento do jovem (namorado da adolescente) no caso. Oitivas já foram feitas, para buscar ouvir depoimento de testemunhas, e o próprio jovem deverá também ser ouvido pela Polícia nos próximos dias. Fernandes destaca que ainda faltam a conclusão de alguns laudos, no entanto em breve deverá haver novas informações sobre o caso que choca a comunidade regional.

Fonte: https://rondapolicial.net.br/