Polícia aguarda exame de DNA para identificar mãe de bebê encontrada em Quilombo

A Polícia Civil segue as investigações sobre a recém-nascida encontrada abandonada às margens da SC-157 em Quilombo, no Oeste de Santa Catarina. De acordo com o delegado Alexander Meurer, ainda na sexta-feira (25) exames de DNA (ácido desoxirribonucleico) foram realizados na bebê, bem como na mulher que disse ter encontrado a menina e também outras pessoas.

“Pedi urgência nesse caso ao IGP (Instituto Geral de Perícias), então aguardo o resultado para dar continuidade à investigação”, comenta o delegado.

Meurer relatou, ainda, que a recém-nascida está bem de saúde e encontra-se na Casa Lar de Quilombo. A Polícia Civil investiga para apurar as circunstâncias do abandono e identificar os pais da pequena.

A menina, no dia em que foi resgatada na entrada da Linha Merlo, foi levada ao Hospital São Bernardo para avaliação médica. Ela teria sido encontrada por uma moradora após o cachorro latir sem cessar em direção a um ponto de ônibus nessa rodovia.