Polícia Federal irá investigar governador Carlos Moisés no caso dos respiradores, determina STJ

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, será investigado pela Polícia Federal (PF) devido ao caso dos 200 respiradores que foram adquiridos pelo Estado. A determinação é do Superior Tribunal de Justiça (STJ) em decisão realizada 10 de agosto pelo ministro Benedito Gonçalves, que atendeu pedido do Ministério Público Federal (MPF).

A compra dos respiradores foi alvo de investigação que envolve o Ministério Público e a Polícia Civil. A partir da decisão, a investigação deve ser feita em Brasília.

O Governo de Santa Catarina posicionou-se, através de nota, que não há “qualquer juízo prévio de autoria ou culpa do Senhor Governador do Estado”.