Prefeitos eleitos e reeleitos vão enfrentar cenário desafiador na economia

Em entrevista à CNN, o consultor econômico da FNP, Kleber Castro, avaliou a situação fiscal que os prefeitos que assumem ou reassumem o cargo no dia 1º de janeiro vão enfrentar. Para ele, o cenário será desafiador por diversos motivos.

O primeiro deles, explica, é o fato de a economia ainda não ter se recuperado totalmente do choque da pandemia do novo coronavírus, diante do risco de uma segunda onda da doença, o que torna imprevisível o fluxo de receitas para o ano que vem.

“Além disso, teremos pressão por mais gastos na área de saúde por conta do represamento de procedimentos hospitalares e ambulatoriais, que devem ser retomados a partir do próximo ano”, opinou.

Já no caso da educação, Castro acredita que o país terá um aumento no custo da operação das escolas a partir dos novos protocolos sanitários. Por fim, o desemprego, disse ele, estará ainda maior.

Fonte: CNN Brasil