Santiago do Sul: prisão por receptação de objetos furtados

Em posse das informações, a guarnição da Polícia Militar se deslocou até uma loja de som automotivo, onde supostamente as baterias estariam sendo instaladas.

Na sexta-feira, 23 de agosto de 2019, por volta das 12h e 30, na Avenida João Corso, bairro Centro, no município de Santiago do Sul.

A Guarnição da Polícia Militar recebeu informações de que duas baterias que haviam  sido furtadas de motoniveladoras da prefeitura de Irati há alguns dias atrás poderiam estarem sendo instaladas em um GM/Celta, na cidade de Santiago do Sul.

Em posse das informações, a guarnição da Polícia Militar se deslocou até uma loja de som automotivo, onde supostamente as baterias estariam sendo instaladas.

No local, foi realizado contato com o proprietário do estabelecimento que informou que estava instalando as baterias em um veiculo GM/Celta, onde o proprietário do veículo trouxe para instalar não sabendo a procedência.

No momento em que a guarnição da Polícia Militar fazia o recolhimento das baterias, chegou no local um masculino de 20 anos e se apresentou como dono das baterias.

Alegando que comprou as duas baterias a cerca de 15 dias por cerca de R$ 300,00, sendo que a metade do valor em dinheiro, e a outra metade pagou em galinhas.

Que não sabe o nome da pessoa de quem comprou as baterias, apenas que mora na cidade de Irati.

Diante do ocorrido, a guarnição da Polícia Militar deu voz de prisão  e conduziu o autor a Delegacia de Policia juntamente com as baterias furtadas.

 Fonte|Foto:PM