Temporal em SC deixou cinco pessoas mortas e uma esta desaparecida

O temporal desta terça, 30, em Santa Catarina deixou cinco pessoas mortas. Além da idosa morta em Chapecó, após ser atingida por uma árvore que caiu em sua propriedade, Santo Amaro da Imperatriz e Tijucas, na Grande Florianópolis e Ilhota, no Vale do Itajaí, além de Governador Celso Ramos,  também registraram mortes.Em Ilhota, no bairro Baú Baixo, um homem, de 59 anos, morreu, após o vento derrubar um murro sobre ele.  Já em Santo Amaro da Imperatriz, um homem morreu após ser atingido por fios de alta-tensão e na cidade de Tijucas após um desabamento, um homem também morreu.

No local, outra pessoa está desaparecida. A prefeitura de Governador Celso Ramos, que fica a 54 km de Florianópolis, está fazendo levantamento dos prejuízos e estragos deixados pelos fortes ventos registrados na tarde da terça-feira (30) na cidade.

De acordo com o prefeito municipal, Juliano Duarte Campos, foi registrada a morte de uma pessoa após a ocorrência.