Um morre e outro fica ferido após serem atropelados por locomotiva em Mafra

Um homem morreu e outro ficou ferido após serem atropelados por uma locomotiva em Mafra, no Norte catarinense, na manhã deste domingo (26). O sobrevivente perdeu um dos braços, está internado e relatou ao Corpo de Bombeiros que ele e o amigo estavam praticando caça nas proximidades quando acabaram dormindo nos trilhos e foram atingidos.

A Polícia Civil investiga o caso e o condutor da locomotiva será chamado para prestar depoimento. Até o momento, ninguém foi detido.

Por nota, a Rumo Logística, concessionária da ferrovia, disse que o maquinista não viu os dois homens deitados sobre os trilhos e que é proibida a circulação de pessoas não autorizadas em área operacional. Afirmou ainda que faz campanhas de segurança orientando a população sobre os cuidados com o trem.

O caso

Os bombeiros foram chamados por volta das 5h55 e, no caminho para atendimento da ocorrência, encontraram a vítima que sobreviveu dentro de um carro de populares, sendo levado para atendimento médico.

Conforme a corporação, além da laceração de um dos braços, o homem tinha ainda ferimentos na cabeça. Ele contou aos socorristas que acordou ao ser atingido pela locomotiva e que percorreu cerca de 4 km para pedir ajuda para si e o colega. A vítima foi levada para o Hospital São Vicente de Paulo.

Os socorristas localizaram o corpo do outro homem, de 30 anos, no km 88 da ferrovia. A Polícia Militar esteve no local, assim como uma equipe do Instituto Geral de Perícias (IGP), e a Polícia Civil. A Delegacia de Mafra disse que deve começara a ouvir os investigados na segunda-feira (26).